04/02/2013

Como as pessoas estão julgando você?

Essa foi uma das matérias da revista Glamour de janeiro de 2013.

Magros e gordos passam pelo mesmo problema. O preconceito...
Quantas vezes, as pessoas tiram conclusões sobre a personalidade do indivíduo somente pelo corpo?
Você sabia que o preconceito contra obesos aumentou mais de 66% nos últimos anos? Isso de acordo com estudos recentes da Universidade de Yale.
Você sabia que esse preconceito, também, se aplica aos magros?

"A Glamour americana resolveu investigar, numa pesquisa exclusiva realizada com mais de 1800 mulheres com idade entre 18 e 40 anos, sob a supervião de Rebecca Puhl, pesquisadora da Universidade de Yale e diretora do Rudd Center for Food Policy and Obesity."

As palavras estampadas nos corpos descreve o resultado da pesquisa. O mais interessante é que as próprias gordinhas classificam as mulheres acima do peso como desleixadas.
A atriz Jennifer Hudson sentiu o impacto no trato das pessoas ao afinar a silhueta. "Quando emagreci, todo mundo comentou que eu estava me achando a tal, Mas sou a mesma pessoa, nunca mudei, gente."
O julgamento pelo manequim fica evidente. Até nos contos de fada existe preconceito, pois a bruxa é a magrela, malvada e mesquinha. A gorda, aparece como uma fada afável, atrapalhada e bonachona.
Conclusão: As pessoas sempre criticam... Magras, gordas, altos, baixos etc. 
Fonte: Revista Glamour

10 comentários:

  1. Verdade, Tê. Como o ser humano é insatisfeito, inconstante, preconceituoso, intolerante, quer sempre "rezar" por uma cartilha e tiram quem não se enquadra, sumariamente.
    Sinto "na pele", sou meio acima do meu peso ideal (uns 15 kg...) e ainda por cima sou baixinha, então comprar roupa é uma luta, parece que a moda existe só para quem é alta e magra. Sei que há segmentos de olho nas gordinhas (vc mesma mostrou aquei), mas não topei com nenhuma loja só voltada pra isso, que não seja muito, muito careira.
    Enfim, é o normal do ser humano: ser sempre insatisfeito com sua imagem e nunca achar nada que o satisfaça, pelo menos na moda! rs
    Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Ou seja, se é gorda demais falam, se é magra também, não dá pra satisfazer a tantos gostos.
    Por isso que a gente tem que se gostar acima de tudo e não dar muita bola para o que dizem.
    Fazer que nem na musiquinha "Deixem que digam, que pensem que falem, deixa isso pra lá, vem pra cá o que é que tem, eu não tô fazendo nada, você também..."
    bjs cariocas




    ResponderExcluir
  3. Oi Teresinha,
    Adorei o post. Uma vez li um texto do Gilberto Gil com o título "Não Adianta Cobrar Que Eu Não Pago". A verdade é que as pessoas estão sempre cobrando por alguma coisa, como o peso, o aspecto físico, o estado civil, etc. Estou como o Gil: Não adianta cobrar que eu não pago!
    Beijos 1000 e uma ótima 3ª-feira para vc.

    GOSTO DISTO!

    ResponderExcluir
  4. Verdade! sempre falam independente de qualquer coisa!
    Por isso sou a favor do: esta bom pra mim, então tá bom,rs
    Nunca tinha percebido das bruxas e fadas, aiai

    beijos

    ResponderExcluir
  5. As características humanas se realçam no lado mais crítico, penso que isso envolve alguns sentimentos pessoais não resolvidos , levando as pessoas a jogar no outro algumas de suas frustrações.
    Gosto de priorizar meu bem estar, saúde. Já fui bem magra e nunca tive complexos, pois considero que tenho uma boa auto-estima.

    ResponderExcluir
  6. É assim mesmo, Teresinha. O melhor, é cuidar da saúde, se gostar e estar ao lado dos que nos amam. Beijocas!

    ResponderExcluir
  7. ADOREI ESSA POSTAGEM,POSSO COLOCAR ESSE LINK NO MEU BLOG ???


    BACI

    ResponderExcluir
  8. Tê é desse jeito, as pessoas sempre emiti opiniões, mesmo desnecessárias. Se está magro fala, se gordo também. Não entendo mesmo. Já passei por diversas situações dessas. Quando emagreci, me perguntavam se estavam doente. E quando engordei falaram que estava desleixada, vai entender a cabeça desse povo.
    Temos que nos valorizar e nos aceitar acima de todas as opiniões. Porque essas sempre irão existir.

    Beijinho afetuoso!
    Maravilhoso dia.
    Lorena Viana

    ResponderExcluir
  9. nossa é assim mesmo ve uma gordinha se estão comendo pensam nem devia comer mas não sabe da vida dela nem nada e ve uma magra e pensa que metida as pessoas julgam criam rótulos

    bjs
    prosademoca.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Será que ambos }(gordos e magros) passam pelos mesmos problemas, Tê? Depende da tal da "moda", não?
    Minha "vó", em seus 20 anos, ouvia e sofria ("bulling?") que era "ruim de magra". Hoje, quem sabe, estaria querendo perder uns quilinho...

    bjnhs

    ResponderExcluir

Amei o comentário. Bjs mil. Tê